Entenda como funcionam os mísseis hipersônicos da Rússia

mísseis hipersônicos da Rússia


Entenda como funcionam os mísseis hipersônicos da Rússia


  • Os mísseis hipersônicos estão sendo desenvolvidos pelos Estados Unidos, China, Rússia, Coreia do Norte, entre outros;

  • A energia cinética dessas armas no momento do impacto é similar à força de três a quatro toneladas de TNT;

  • As armas hipersônicas voam a mais de cinco vezes a velocidade do som.


O míssil hipersônico é um tipo de arma revolucionária com a capacidade sem precedentes de atingir quase qualquer alvo no mundo em questão de minutos. O projétil é capaz de viajar a mais de 15 vezes a velocidade do som.

Essas armas chegam a alvos direcionados em um flash ofuscante e destrutivo, antes mesmo de qualquer estrondo sônico ou qualquer outro aviso significativo.

No campo de batalha moderna, essas características, de rapidez, eficácia e precisão são raras e muito almejadas.


Quem produz os mísseis hipersônicos?

Atualmente, os mísseis estão sendo desenvolvidos pelos Estados Unidos, China, Rússia, Coreia do Norte, entre outros países.

Nos EUA, por exemplo, a arma já foi chamada de “tecnologia de mudança de jogo” pelos legisladores que apoiam um aumento significativo de gastos federais na sua produção.

A França e a Índia têm programas ativos de desenvolvimento de hipersônicos, enquanto Austrália, Japão e União Europeia também pesquisam sobre versões civis e militares.

As informações são de um relatório de 2017 da Rand Corp., uma organização de pesquisa apartidária e sem fins lucrativos.


Nova corrida armamentista?

O desenvolvimento de hipersônicos se movimenta rápido demais para permitir qualquer discussão real sobre seus potenciais perigos.

Como efeito, a corrida para desenvolver os mísseis acabou levando Estados Unidos, Rússia e China para uma nova corrida armamentista. Afinal, mísseis hipersônicos podem, em teoria, carregar ogivas nucleares.

Cada míssil tem um comprimento entre 1,5 e 3 metros e pesa cerca de 500 libras, sendo envolto em materiais de cerâmica, bem como compósitos de fibra de carbono ou superligas de níquel-cromo.

A energia cinética dessas armas no momento do impacto é de ao menos 1.150 milhas por hora, tornando-as tão poderosas que poderiam penetrar qualquer material de construção ou blindagem com força de três a quatro toneladas de TNT.


Qual é a velocidade do míssil hipersônico?

Um objeto atravessando o ar produz uma onda de choque audível, ou estrondo sônico, ao atingir cerca de 1.200 quilômetros por hora. Essa velocidade do som é denominada Mach 1.

Quando um projétil voa mais rápido que esse valor, está viajando em uma velocidade mais rápida que a do som, ou seja, Mach 2, quando passa a ser chamada de supersônica: duas vezes a velocidade do som.

O Mach 3 é três vezes a velocidade do som, e daí em diante pode-se chegar a velocidades superiores ao Mach 5, quando se diz que o projétil viaja em velocidade hipersônica.


Fonte: 

financas.yahoo.com

Postar um comentário

0 Comentários
* Por favor, não spam aqui. Todos os comentários são revisados ​​pelo administrador.
'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();