Rússia volta a produzir espingardas com tambor

Rússia volta a produzir espingardas com tambor

 

Rússia volta a produzir espingardas com tambor


Especialistas afirmam que armamento civil de cinco tiros pode conquistar o mercado de armas de caça em breve.

A fábrica estatal de armas russa Rostech anunciou planos de relançar a linha de produção de espingardas com tambor, no estilo revólver, MTs-255.

Já falamos Sobre ela... [CLIQUE AQUI]



A MTs-255 é uma espingarda civil de calibre 12, com cinco tiros, que pode atingir alvos a até 100 metros de distância.

“Estas armas com tambores giratórios surgiram durante a Guerra Civil Americana, criadas pela Colt. Mas elas não eram populares entre os soldados norte-americanos devido a várias falhas de desenho", diz Víktor Murakhôvski, editor-chefe da revista militar russa “Arsenal Otétchestva”. "Hoje, essas escopetas com tambor de revólver são uma estratégia de marketing interessante para atrair mais pessoas ao mundo da caça ou aumentar os arsenais dos caçadores", disse.

Ele conta que nos EUA, na atualidade, as espingardas com tambores giratórios podem ser encontradas apenas em museus ou coleções privadas de armas (apesar que a Taurus fabrica um modelo similar em calibre menor). "Os usuários estrangeiros preferem espingardas semi-automáticas ou pump. Assim, a russa MTs-255 pode ser considerada um item exclusivo e único", completou.


______________________

Uma pequena pausa para te apresentar um de nossos produtos:
O Guia do Atirador!  



"Afinal, isso aqui não é um blog comunista." 

Você já pensou em ter sua CR (Certificado de Registro)?

Com o Guia do Atirador, você terá um passo a passo para solicitar seu CR junto ao Exército Brasileiro sem necessidade de contratar despachantes caros.


Clica na imagem e solicite seu manual!




_______________________________________________________________



Os prós e os contras da espingarda russa



“As espingardas giratórias MTs-255 surgiram na Rússia no início dos anos 2000. Mas, devido a problemas econômicos e de marketing, a produção dessas armas foi congelada. Hoje, a situação econômica na Rússia e em todo o mundo está lentamente voltando ao normal, e os fabricantes de armas acreditam que chegou a hora de voltar ao mercado com novos produtos", explica Murakhôvski.

Segundo o caçador Aleksandr, um dos proprietários das primeiras espingardas MTs-255, a arma tem um ótimo equilíbrio, em comparação com as de cano duplo ou semiautomáticas.

"O centro de gravidade da arma está localizado exatamente no carregador em tambor. Assim, o peso é distribuído uniformemente entre as duas mãos e a arma é muito fácil de abrir, apesar do peso considerável, de quase 3,5 quilos", diz o caçador.

O mecanismo de disparo é longo, mas suave e confortável. Também é fácil desmontar a arma em um minuto ou menos, mesmo sem treinamento. O mecanismo de gatilho pode ser removido inteiramente, algo conveniente para transportar a arma.

"Não há peças pequenas que possam se perder e é muito fácil montar a espingarda. Tudo é muito simples e suave", diz Aleksandr.

Os proprietários da arma afirmam que uma de suas principais desvantagens é a necessidade de usar munições caras e de alta qualidade devido ao mecanismo de gatilho sensível. Os cartuchos de baixa qualidade podem ser disparados erroneamente durante a caça.

Além disso, a recarga da arma leva muito tempo. "Os cartuchos devem ser empurrados para fora do tambor com um dedo ou uma vareta. O carregador também abre com um barulho alto que pode assustar os animais", completa Aleksandr.


Fonte:

Russia Beyond


________________________


Desenvolva uma Grande Capacidade de percepção,

voltada, para o Tiro Instintivo.


Aprenda a Atirar sem Depender do 

Conjunto Alça e Mira


Clica na imagem e Saiba Mais!




________________________

Nenhum comentário