Header Ads

ad

O Significado da Abreviação D.M.R

D.M.R Airsoft



O que é D.M.R no Airsoft?



O termo D.M.R significa “Designated Marksman Rifle” ou , rifle para atirador designado.


______________________


Mas antes do texto, quero te apresentar um de nossos produtos:
O Guia do Atirador!  



"Afinal, isso aqui não é um blog comunista." 


Você já pensou em ter sua CR (Certificado de Registro)?

Com o Guia do Atirador, você terá um passo a passo para solicitar seu CR junto ao Exército Brasileiro sem necessidade de contratar despachantes caros.


Clica na imagem e solicite seu manual!





______________________


O atirador designado é o operador com precisão avaliada acima da média do restante do grupamento, e sua habilidade se faz necessária para dar suporte aos operadores de assalto, abatendo inimigos que se encontram a uma distância considerada fora do alcance das armas de assalto.

Imergindo no nosso mundo, os combates de Airsoft, farei considerações para você que almeja ser um D.M.R.

Primeiramente é bom falar, que os limites de FPS impostos na maioria dos combates organizados pelo Brasil para o rifle D.M.R, que hoje são de aproximadamente 450 FPS, foram adotados por entender se tratar de uma pressão razoável não colocando em risco o oponente, obviamente se bem manuseado.

Durante todos esses anos de prática, da participação de diversos combates e acompanhando o Airsoft nas redes sociais, já vi cada bizarrice sem tamanho, submetralhadoras MP5 com FPS acima de 400 com mira telescópica e DRUM se dizendo D.M.R, caramba, isso é um atentado contra o Airsoft.
Prefiro acreditar que se trata de inexperiência e falta de conhecimento, afinal de contas o Airsoft vem crescendo de forma assustadora, infelizmente a educação para a prática segura não está acompanhando essa velocidade.

Resultado de imagem para designated Marksman Rifle

Vamos entender o seguinte, o rifle D.M.R é um rifle longo, munido de uma mira telescópica, com aproximação de pelo menos 4X, devendo o mesmo atuar apenas no modo de disparo “SEMI” automático, rifles como o M16, M14, G3, são bons exemplos de rifles D.M.R.
No Airsoft, entendam a afirmação “AIRSOFT”, até mesmo rifles como o Dragunov (para quem se interessa por história, não foi um rifle projetado para a função SNIPER, mas sim adotado para essa função), o PSG1 da família H&K, devem ser considerados rifles D.M.R, digo isso por serem rifles elétricos de cadência de disparo sequencial, sem que o operador necessite tirar o olho do Scope, diferente de um rifle ferrolhado, adotado no Airsoft como o rifle a ser utilizado por Snipers, onde, a cada disparo, o operador deverá “ferrolhar” o rifle para “engatilhar”, causando uma instabilidade na “mira”.
Agora que você tem um breve conhecimento sobre o que é um rifle D.M.R, o que seria interessante ser observado por um operador que tem intenções de atuar como tal?
Primeiramente, depois de preparar sua arma segundo os requisitos apresentados acima, o operador deve ter em mente que seu rifle está ajustado para disparos de média a longa distância, não vai me entrar com esse rifle em uma invasão de C.Q.B, você vai assumir o risco de machucar um “amigo” de combate, mesmo esse estando na equipe adversária.

Resultado de imagem para designated Marksman Rifle airsoft

Conheça a efetividade do disparo do seu rifle, avalie a distância que a BB atinge o alvo com a menor variação possível, ajuste o retículo da sua mira telescópica para o local do impacto da BB, muitos operadores cometem o erro de tentar “fazer” com que a BB atinja o alvo no centro indicado pelo retículo de sua mira.
Entenda quais adequações e compensações deverão ser feitas a cada disparo, levando em consideração a distância, as variações ocasionadas por fatores como o vento, obstáculos no trajeto da BB e etc.
Não adianta você imaginar que somente por possuir um rifle com um F.P.S maior, fará de você um operador melhor, esse é um conceito errôneo, e te frustrará muito em um combate.
Se você não souber atuar como um operador de D.M.R, você poderá facilmente ser abatido por um operador utilizando uma pistola elétrica de apenas 300 fps, lembre-se, força não significa efetividade.
Certa vez, participando de uma operação, fui questionado por um operador que utilizava uma arma preparada para atuar como D.M.R sobre quantos FPSs tinha a minha M4 de assalto, a resposta foi imediata: “não se preocupe com o FPS da minha arma, mas sim o quão perto chegarei de você”, era um conhecido, por isso tive a liberdade de responder dessa maneira, porém realmente acredito nisso, de nada vale uma arma mais “forte”, se você não sabe como operar a mesma.

Resultado de imagem para designated Marksman Rifle airsoft

Devemos nos satisfazer quando somos efetivos no que nos propomos a fazer, quero dizer que se for para atuar como operador de assalto, D.M.R ou etc, saiba o que está fazendo.
O operador D.M.R geralmente atua no meio do esquadrão, sendo acionado, como dito no início do post, quando se faz necessário eliminar um inimigo que se encontre fora do alcance das armas de assalto, preparadas para atuarem com pressão de aproximadamente 400 FPS.
O D.M.R deve também ser os “olhos” do esquadrão, utilizando sua mira para fazer varreduras do perímetro a fim de identificar possíveis ameaças.


Fonte:

Nenhum comentário