Header Ads

ad

FUZIL M16 COM LANÇADOR DE GRANADA


Uma das armas de maior destaque na história, o fuzil M16 com lançador de granada acompanha o soldado americano há mais de 40 anos, e é um fuzil de assalto totalmente automático.
Bastante utilizado por determinadas tropas de Brigada de Operações Especiais para combates e missões extremas, o Fuzil M16 foi desenvolvido nos Estados Unidos, tem calibre 5,55 X 45mm e tem poder de alcance de até 400 metros.
fuzil M16 com lançador de granada tem capacidade para 20 e 30 cartuchos, conta com velocidade inicial de mil metros por segundo. Uma verdadeira máquina, capaz de realizar 700 a 950 disparos por minuto!

UM PROJETO COMERCIAL

Bastante diferente dos demais tipos de fuzil, este modelo M16 surgiu de um projeto comercial, desenvolvido por Eugene Stoner, um projetista americano que conseguiu criar um design bastante funcional para a época.
Ele reduziu parte da tubulação do armamento, criou um sistema a gás que recarrega um cartucho mais leve. O M16 foi fabricado na década de 50 pela empresa Armalite, sendo que inicialmente ganhou o nome de AR-10 que usava munição 7.62 mm, mas com o advento do cartucho Fireball de 5.56 mm.
Porém, a arma foi novamente projetada, ganhou um novo nome que era AR-15, mas tudo mudou outra vez nos anos 60, quando havia chegado o momento de escolher um novo fuzil para as Forças Armadas Americanas. E foi então que ocorreu a designação M16.
O fuzil M16 com lançador de granada é conhecido por literalmente “cumprir o dever” nas missões mais problemáticas e difíceis para os militares.
Tanto, que ele ficou conhecido por ser a melhor arma utilizada na guerra do Vietnã. Porém, há ressalvas quanto a isso.
Quando a guerra do Vietnã ganhou outras proporções em 1965, mais soldados americanos foram enviados, e o problemas com o M16 começaram a aparecer. A arma começou a travar de forma alarmante, e muitos jovens soldados acabaram morrendo em combate.
Até aproximadamente o ano de 1966, mais de 500 mil unidades do M16 haviam sido produzidas pela nova empresa que se tornou responsável, a Colt Firearms Company.
Para resolver esse problema de travamento da arma, kits de limpeza específicos para o M16 foram enviados aos soldados, juntos com um gibi informativo. Tudo para que os militares soubessem como desmontar o M16 e fazer a devida limpeza.
Depois disso, o problema foi resolvido e não demorou para a arma se tornar um grande sucesso de vendas entre as Força Aérea Americana e o Exército britânico, duas superpotências militares.

UM POUCO SOBRE SUAS CARACTERÍSTICAS

Fuzil M16
Devido à balística singular do projétil de 5,56, que tem a capacidade de se torcer ao atingir o corpo, causando um estrago enorme, a arma conseguia deter imediatamente um soldado inimigo.
Apesar de não ter sido muito popular entre os tradicionalistas, o M16 conseguiu provar seu valor durante o campo de batalha na guerra do Vietnã.
A arma opera a gás e usa o sistema de trancamento por rotação do ferrolho, dispensando o uso do êmbolo convencional, o que o deixa mais leve e exige pouca manutenção.
O grande diferencial dessa arma é a possibilidade de adaptar um lançador de granadas M203, de 40 mm, que pode ser acoplado ao cano.
No Brasil, o fuzil M16 foi o adotado como armamento padrão pelos Fuzileiros Navais.


Fonte:

Nenhum comentário