Header Ads

ad

VOCÊ CONHECE OS RIFLES SVD OU DRAGUNOV?

RIFLES SVD OU DRAGUNOV

Quando pensamos em snipers, normalmente nos vem à mente o exército americano e as grandes peripécias contadas sobre os atiradores de elite nos filmes de Hollywood. Mas o fato é que não só nos EUA essas armas foram importantes. O Exército Vermelho, normalmente conhecido pelas grandes ofensivas e batalhas de tanques, também tem espaço para um grande exemplar de sniper.
Há muitas décadas um rifle incomum chama a atenção  nas fileiras soviéticas e merece destaque por ser uma arma incrível: o Dragunov SVD. Ele contribuiu historicamente para muitas vitórias dos combatentes russos e tem características únicas quando comparado a outros rifles da mesma estirpe.
Quer saber mais sobre essa impressionante arma? Então acompanhe o nosso post de hoje!



______________________




Mas antes, quero te apresentar um de nossos produtos:
O Guia do Atirador!  

"Afinal, isso aqui não é um blog comunista." 


Você já pensou em ter sua CR (Certificado de Registro)?

Com o Guia do Atirador, você terá um passo a passo para solicitar seu CR junto ao Exército Brasileiro sem necessidade de contratar despachantes caros.


Clica na imagem e solicite seu manual!






_______________________________________________________________


UM POUCO DE HISTÓRIA

O rifle Dragunov SDV (a sigla que dizer Sniperskaya Vintovka Dragunova) foi criado em 1963 por Evgeny Dragunov e está em franca produção até os dias de hoje. São mais de 50 anos a serviço do Exército Vermelho, sendo uma arma extremamente importante para o antigo “Bloco Comunista”. Por suas características únicas, ganhou o mundo e atualmente é fabricado principalmente na Rússia e China, mas já é exportado para dezenas de países, como a Venezuela, reforçando a relação da arma com países ditos de esquerda.
Várias cópias foram produzidas pelo mundo, tentando reproduzir as características e o design. Existem versões no Iraque, China, Romênia, entre outros países. A própria Rússia produziu uma versão civil, chamada de “Tiger”, e outra para caça, que já não se encontra em produção.
O Dragunov não foi concebido como um rifle de sniper propriamente tradicional. Sua função principal era aumentar o alcance de combate das linhas soviéticas, o que conseguiu com maestria: os soldados armados com ele tinham pelo menos 600 metros de precisão de fogo, algo impensável na época com os outros rifles disponíveis.

CARACTERÍSTICAS E VANTAGENS SOBRE OUTRAS ARMAS

O Dragunov é extremamente confiável diversas condições e, como já dissemos, foi concebido para conferir precisão a distâncias grandes para um rifle. Além das miras ópticas e local para encaixe de mira infravermelha, ele tem uma de ferro como backup e também um encaixe para baionetas, no estilo da AK-47, sendo útil também no combate corpo a corpo.
Semiautomático, ele é operado a gás e usa um pistão de recuo curto, o que confere mais precisão para o atirador de elite e menor impacto na hora do disparo. O sistema tem um banco fixo e é relativamente longo, com cerca de 50 polegadas. Isso, no entanto, não estraga uma das principais qualidades do Dragunov, a leveza: quando vazio, seu peso gira em torno 4,3 kg, bem pouco para uma arma desse porte. Sua capacidade de tiro também impressiona: enquanto outros rifles de precisão convencionais fazem cerca de cinco tiros direcionados por minuto, o Dragunov pode disparar até seis vezes mais. Impressionante, não é mesmo?
E como o tempo não para, a arma ainda passa por constantes modernizações. Uma das últimas mudanças foi a incorporação de um guarda-mato em polímero, além da fabricação da recente versão com cano reduzido feito especialmente para as tropas aerotransportadas.
Apesar de existirem rifles mais modernos, o Dragunov continua ocupando seu espaço nas linhas militares de muitos países, especialmente a Rússia. Leve e preciso, ele ainda é muito útil em combate e deve permanecer por muitos anos junto às infantarias do Exército Vermelho!

Fonte:

Nenhum comentário