Header Ads

ad

Por que as explosões nucleares têm forma de cogumelo?

explosão
Porque os resíduos delas sobem com muito mais força que a maior parte das explosões de bombas convencionais, formando uma espécie de jato de matéria. Quando uma bomba atômica é detonada, ela produz uma bolha de gás muito quente, aquecendo violentamente o ar que está em volta dela. Como esse ar que se tornou quente é mais leve que o ar da atmosfera, a tal bolha sobe. É um efeito parecido ao de afundar uma bola de vôlei na piscina. Quando você empurra ela para dentro da água e solta, a bola é lançada para fora, já que é muito mais leve que toda a massa de água que a cerca. Nas explosões nucleares, a bolha de gás sobe numa velocidade de centenas de quilômetros por hora, levando toneladas de ar e de poeira com ela.
Esse jato de matéria forma a haste do cogumelo atômico, mas, em poucos segundos, ele perde energia e esfria um pouco. Com a temperatura mais baixa, o material vaporizado já não está mais tão leve e pára de subir freneticamente, espalhando-se para os lados. A poeira, então, mistura-se com gotículas de água que ficam suspensas na atmosfera, criando uma nuvem gigantesca, que é a cabeça do cogumelo. A altura que a formação atinge depende da força da explosão. “As bombas da Segunda Guerra Mundial criaram cogumelos com cerca de 8 quilômetros de altura”, diz o físico Philip Morrison, do Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT), nos Estados Unidos.

Nuvem mortal Em segundos, a formação atinge quilômetros de altura
GIGANTE ATÔMICO
O cogumelo de uma bomba atômica de hidrogênio testada pelos Estados Unidos em 1952 atingiu 17 quilômetros de altura em 90 segundos. Após cinco minutos, a grande nuvem chegou a 41 quilômetros!
TEMPERATURA MÁXIMA
A bolha de ar quente formada com a explosão – e que sobe, criando o cogumelo – atinge uma temperatura de dezenas de milhões de graus Celsius
POTÊNCIA ANIQUILADORA
Algumas bombas atômicas já testadas possuíam uma potência de 10 megatons, o equivalente a 10 milhões de toneladas de dinamite. O recorde é 70 megatons, um poder de destruição quase 5 mil vezes maior que o da bomba atômica lançada pelos americanos na cidade de Hiroshima, no Japão, em 1945




Fonte:

Super Interessante

Nenhum comentário