Header Ads

ad

Alimentar, Municiar e Carregar. Saiba a diferença entre os termos.


Alimentar, Municiar e Carregar


Li uma matéria que falava que havia uma espingarda carregada com 5 cartuchos. Se você realmente sabe o significado da palavra “carregar”, quando se refere a uma arma de fogo, entende que isto é impossível enquanto se utilizar a munição adequada para a arma.
Os termos alimentar, municiar e carregar têm significados distintos, e seu conhecimento é imprescindível para manter a boa prática do tiro, influenciando até mesmo a segurança no manuseio do armamento.
Vejamos, portanto, cada um deles:


______________________


Mas antes, quero te apresentar um de nossos produtos:

O Guia do Atirador!  


"Afinal, isso aqui não é um blog comunista." 


Você já pensou em ter sua CR (Certificado de Registro)?

Com o Guia do Atirador, você terá um passo a passo para solicitar seu CR junto ao Exército Brasileiro sem necessidade de contratar despachantes caros.


Clica na imagem e solicite seu manual!







______________________



1) Municiar

municiar
Em regra, não municiamos as armas, mas sim os seus carregadores, tambores ou tubos. Municiar significa introduzir os cartuchos no carregador de pistolas ou rifles, ou no tambor, portanto, dos revólveres ou carabinas de tambor.

2) Alimentar

alimentar
Agora sim, começa a interação com a arma. Alimentar significa inserir o carregador na pistola ou rifle.

3) Carregar

carregar
Carregar uma arma é o ato de introduzir uma munição na câmara. Normalmente isto é feito puxando o ferrolho da pistola ou as alavancas dos rifles. Também se carrega um revólver no momento em que se tranca o tambor, desde que haja uma munição no espaço da câmara.
É possível também fazer isso manualmente, inserindo a munição na câmara com as mãos.

Fonte:

Nenhum comentário